Portugal e Brasil #2 - Forma de Estar

16:35

Como fui educada no seio de uma família que residiu no Brasil e Angola, sinto que o povo português é um tanto que frio no que toca a festas. 
Passo a explicar: estão a ver aqueles programas chatos de fim de semana com música pimba? Pois bem, apesar de não fazer o meu género de música, sinto-me envergonhada quando olho para o público. Tudo tão parado, quase que numa hipnose apática a olhar para o palco. Lá pelo meio está um ou outro casal a dançar, uns jovens a acenar para a câmara, uns ao telemóvel a fazer típica chamada do «'tou na TV, estás a ver-me? E agora? Já vês?». 
Mas de resto, tudo parado, braços cruzados, enquanto o artista tá ali a cantar, raparigas no background vocals com sorriso na cara a tentar puxar pelo público, e o lindo do português ali fica com expressão de «não tinha mais nada que fazer, por isso vim até aqui, mas não me chateiem muito por favor».

Em comparação, assisto programas da Globo e Rede Record e, seja em estúdio ou ao ar livre, vejo toda a gente sorrindo, dançando, acenam também para a câmara, fazem chamadas...mas não cruzam os braços, não ficam de cara amarrada, e quer gostem ou não da música, dançam e cantam!

Será impressão minha? Será que mais alguém concorda com isto?
É que sinto mesmo pena daqueles artistas e animadores que tentam puxar pelo público, passam a tarde toda a forçar sorriso para quase ninguém lhe devolver a mesma alegria. E depois passam aquilo na televisão que, sim faz a companhia a muitas pessoas que estão em casa, mas na minha humilde opinião, só me deprime ainda mais por ver aquilo tão 'paradinho' e sem diversão.

É quase como o assunto do «está tudo bem?» ao telefone. Sendo honestos ou não, hão de reparar que mais de metade do pessoal diz «mais ou menos» ou «vai-se andando», enquanto que quando falo com os meus familiares ou amigos Brasileiros, por pior que esteja a vida (e acreditem que não está nada fácil) tentam sempre mostrar um lado alegre e ironizam até a situação respondendo com «podia estar pior» ou «está tudo óptimo!».

Não estou com isto a criticar o povo Português até porque EU própria sou de nacionalidade Portuguesa, mas se calhar noto mais essa diferença devido ao ambiente onde fui criada em comparação com o ambiente que via na casa dos meus colegas e amigos Portugueses.
Sem generalizações também, claro. Mas enfim, acho que deu para entender...certo?


E olha, acho que estou a seguir com uma nova rubrica - Portugal e Brasil. Clica aqui para ver o post anterior :)

(foto retirada daqui)

You Might Also Like

17 Comments

  1. Também sinto vergonha ao ver o público assim tão parado :s e quanto à resposta à pergunta "Está tudo bem?", eu respondo sempre "Tudo óptimo!" :) argh, como me chateia as típicas respostas negativas do "Vai-se andando..."

    R.: Por nunca ter sentido, não percebi muito bem a que tipo de energia ele se referia mas, não, não falávamos desse pressentimento :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é vergonha, não é? chegas a desviar a cara e mudas de canal hahah e essas respostas dá-me uma comichão que não posso. é que mete mesmo impressão! ;/

      Eliminar
  2. R: Oh muito obrigado! :D

    Concordo plenamente contigo! Festa é pra dançar, se é pra estar parado então que seja em casa que ao menos ninguém nos vê com aquele ar melancólico e aborrecido! E devemos sempre transparecer felicidade, mesmo quando estamos num dia menos sorridente, pois quanto mais nos damos à tristeza mais difícil é sair dela! Respostas como "vai-se andando" são verdadeiros poços de más energias, tem de haver mais respostas como as da Mariana! (x

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. dá-me uma comichão essas respostas...não tens noção hahah! realmente, é que se vai para uma festa, então que seja feliz pá! Basta fazer um esforçozinho que o dia melhora logo e a energia positiva pega-se hahah

      Eliminar
  3. Eu concordo, somos de facto mais frios :)

    ResponderEliminar
  4. r: Obrigada pelas palavras Cisma *.*

    ResponderEliminar
  5. Somos um povo com medo de ser julgado...por isso esquecem-se de aproveitar o momento...a menos que todos o façam e aí já não parece mal...ninguém o faz. Porém não somos dos piores! Mas nunca vamos estar bem da vida...parece mal...ninguém pode estar. Daí a resposta do mais ou menos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ai fiquei ainda mais triste ao ler isto x) povo português, por mais crise que pode passar, já foi tão abençoado...e ainda é carago! juro que não entendo esta «alma portuguesa» :/

      Eliminar
  6. Concordo completamente contigo, somos um povo muito mais reservado e com medo...

    r. Sinceramente, não sei. Vejo a série na FoxLife

    ResponderEliminar
  7. Não podia estar mais de acordo. Mesmo em concertos que puxam por nós para dançarmos há sempre alguém que fica parado e ainda olha de lado para aqueles que estão a dançar. Não compreendo... Eu cá não consigo ficar parada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eh pá, eu fico super incomodada quando vou a tais festas. Não é o meu «cup of tea» e não curto música pimba, mas se tou ali não é para ficar de braços cruzados hahah mas acabo sempre por ficar incomodada pelo resto do pessoal à minha volta. :/

      Eliminar
  8. Pensava eu que era a unica a ter reparado nisso! realmente envergonha-me um bocado e sinto-me um bocado mal pelos cantores pimbas e apresentadores que saltam gritam e esperneam e o publico olha para eles como um burro a olhar para um palacio sem se mexerem =P

    Beijinho*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. hhahah mesmo! é tão estranho! parece que estão ali só porque sim hahah

      Eliminar
  9. Concordo contigo! E vejo isso mais nos locais citadinos! O meu namorado é de uma terrinha e não há cá vergonhas, é tudo a dançar o belo do pimba com uma cervejola e bifana na mão!
    Contudo, apesar de achar os brasileiros mais brincalhões e divertidos, acho que nós portugueses somos mais "receptivos" aos estrangeiros, o que é curioso, não achas?

    Beijinhos,
    Jei 。◕‿◕。

    ResponderEliminar